sexta-feira , 28 julho 2017

Extra diz que funcionários serão transferidos e mercado reconstruído

extra_desabamentoEmpresa e Defesa Civil não descartam demolição de prédio

O supermercado Extra informou na manhã desta segunda-feira (24) que uma parte dos funcionários do prédio, que está pegando fogo desde a manhã de domingo (23), será realocada para outras lojas da cidade e um outro grupo vai tirar férias coletivas. A empresa não soube informar o número de colaboradores que trabalham na unidade que fica na Rua Paulo Barbosa, mas garantiu que ninguém será demitido.
Com relação ao prédio, tanto a empresa quanto a Defesa Civil não descartam a possibilidade de demolição do imóvel. Porém, o Extra afirmou que independente de qualquer coisa, ele será reconstruído.
Segundo o diretor técnico e operacional da Defesa Civil, Ricardo Branco, para o órgão, a estrutura está interditada. No momento, bombeiros, técnicos da Defesa Civil e da empresa estão em reunião para definir o que será feito.
“Ainda há risco de desabamento da fachada e a parede dos fundos provavelmente será demolida posteriormente. A empresa vai fazer uma avaliação com uma equipe de engenheiros e depois vamos analisar juntos sobre qual será a melhor decisão a ser tomada”, afirmou.
De acordo com o comandante do Corpo de Bombeiros, Agostinho Sequeira, o prédio ainda está quente e com vários fogos de incêndio, o que impossibilita a entrada dos agentes para que a perícia seja feita. Todo o combate do fogo está sendo realizado do lado de fora para evitar possíveis acidentes.
“Estamos prezando também pela segurança dos bombeiros. Só vamos entrar quando a estrutura esfriar”, disse ele, acrescentando que, ao todo, 20 homens estão trabalhando no local, sendo 14 do quartel de Petrópolis e seis do Rio de Janeiro.

Fonte: G1

@canalpetropolis #canalpetropolis

Banner mega

Gostou do post? Compartilhe: