segunda-feira , 14 agosto 2017

Ônibus Lilás é reintegrado para atendimento à mulher em situação de violência

ea16bf1ef10cb368a7558e7a2ca09b57_XL

Com a finalidade de realizar atividades de orientação sobre o direito e o combate à violência contra as mulheres, o Ônibus Lilás foi reintegrado para a realização de atendimentos pelo prefeito Bernardo Rossi na manhã desta sexta-feira (11.08), em um evento na Praça Dom Pedro. O veículo ficou estacionado durante todo o dia no local e a população pode conhecer mais sobre as ações desenvolvidas em prol das mulheres. O equipamento foi entregue ao município em junho do ano passado, chegou a fazer algumas atuações, mas depois ficou parado.

O governo também a incorporação ao CRAM, em abril deste ano, um veículo utilitário zero quilômetro. A atuação do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (Cominho) também foi elogiada pelo prefeito, que ratificou o apoio à entidade na figura da presidente Luciana Périco.

O Ônibus Lilás é um equipamento que funciona como um posto volante do Centro de Referência em Atendimento à Mulher (CRAM). O objetivo é levar uma equipe multidisciplinar, a localidades distantes do centro urbano. São oferecidos gratuitamente serviços como assistência social, jurídica e psicológica, promovendo o encaminhamento dessas mulheres para o acolhimento, além de distribuir material de orientação sobre toda a rede de serviços de defesa e proteção.

O veículo possui duas salas para atendimento, banheiro e cozinha. Além disso, um toldo, que pode abrigar até 24 cadeiras, cria uma sala de espera no local onde o atendimento for realizado. Petrópolis é a única cidade do interior do Estado a contar com o equipamento, adquirido por emenda parlamentar em junho de 2016.

A coordenadora do Gabinete da Cidadania ratificou a união e o esforço do governo para debelar os problemas que afligem muitas mulheres na cidade. “Não podemos acatar que existam atos covardes contra as mulheres. Estamos todos de mãos dadas para trabalhar e obter resultados positivos na ajuda às mulheres que precisam, e que em grande parte, moram em locais distantes”, disse.

A coordenadora do CRAM, Raquel Vieira, atesta o apoio do prefeito na questão. “Enquanto outras cidades fecham seus centros de referência, Petrópolis tem um local onde as mulheres podem ser acolhidas e atendidas por uma equipe engajada e de muita qualidade, que conta com todo apoio do governo municipal. Hoje estamos fortalecidas e o ônibus vai ter um papel crucial para que muitas mulheres possam ser beneficiadas”.

A presidente do Comdim, Luciana Périco, agradeceu ao prefeito pelo suporte e aponta que “trabalhou muito para conquistar esse ônibus, em conjunto com todo conselho. Hoje estamos felizes, pois garantimos um serviço essencial dentro da política de atendimento as mulheres. Muito obrigado prefeito pelo apoio que tem dado nessa parceria entre o governo e a sociedade civil”.

Secretarias e entidades também prestam serviços durante evento

Além da entrega do veículo, diversas secretarias municipais e entidades participaram do evento na Praça Dom Pedro. As secretarias de Educação, Saúde, Assistência Social, Meio Ambiente, CPTrans e a FioCruz, ofereceram orientações e serviços durante todo o dia para população. O Coral Encantar da GE-Celma, do Projeto Arte dos Sons, sob a regência do maestro Júlio Siqueira, abrilhantou o evento.

CRAM realizou 237 novos atendimentos em sete meses

O Centro de Referência e Atendimento à Mulher (CRAM) nos sete primeiros meses deste ano realizou 237 novos atendimentos. A maior parte das mulheres que procura o CRAM relata abusos sexuais, psicológicos e violência física. O espaço oferece apoio jurídico e psicológico às mulheres.

Divulgação: Imprensa-PMP
@canalpetropolis #canalpetropolis

Banner mega

Gostou do post? Compartilhe: