segunda-feira , 24 setembro 2018

Garotinho diz que foi agredido na cadeia; agentes da Seap falam em autolesão

garotinhopreso-aeEx-governador do Rio foi prestar depoimento na delegacia de Bonsucesso.

O ex-governador Anthony Garotinho (PRB) foi levado da cadeia em Benfica, onde está preso, para a 21ª DP (Bonsucesso) no fim da manhã desta sexta-feira (24) para prestar depoimento. Ele diz ter sido agredido no presídio, mas agentes da Seap dizem que ele se autolesionou.
Garotinho chegou no local por volta de meio-dia e ainda prestava depoimento por volta de 12h25, após entrar pela porta dos fundos. Segundo o ex-governador, a cela foi invadida na madrugada — mas não se sabe por quem.
Segundo um agente da Secretaria de Administração Penitenciária (Seap), o procedimento para casos de agressões é levar a vítima à delegacia mais próxima. Lá, Garotinho teria chegado com o dedo do pé e o joelho ralados. Ainda de acordo com o funcionário, há a suspeita de que ele tenha pisado no próprio pé e se jogado no chão.
Na quinta, o advogado de Garotinho afirmou que temia por sua integridade física. Segundo Garotinho, foi ele quem denunciou integrantes da quadrilha de Sérgio Cabral (PMDB). O peemedebista também está no local.
“Eu perguntei se ele encontrou com algum preso da (Operação) Lava Jato durante o banho de sol e ele falou que não. Mas ele disse que teme pela segurança dele porque está em um corredor sozinho e em uma cela sozinho. É um corredor intermediário e o próximo seria o corredor dos presos da Lava Jato”, disse Carlos Azeredo.
Garotinho e sua esposa, a também ex-governadora Rosinha Garotinho, estão presos por corrupção e crimes eleitorais, mas negam ter cometido irregularidades.
Azeredo afirma também que eles não têm privilégios no local, mas que correm risco de vida e têm medo. A defesa já havia afirmado que tentaria um habeas corpus para os dois clientes alegando risco à integridade física.

Fonte: G1

@canalpetropolis #canalpetropolis

Banner mega

Gostou do post? Compartilhe: